Adventistas em Papua-Nova Guiné Inauguram Novo Centro de Assistência

[Foto: Marcos Paseggi, Adventist Review]

Adventistas em Papua-Nova Guiné Inauguram Novo Centro de Assistência

O centro abrirá suas portas para oferecer serviços a pessoas que sofrem de diversas deficiências e vítimas de violência doméstica.

Os membros de uma igreja podem ter várias motivações para chegar cedo ao templo todas as semanas, mas para os membros da Igreja Adventista do Sétimo Dia de Hagen Park em Mount Hagen, Terras Altas Ocidentais, Papua-Nova Guiné (PNG), a motivação para se reunirem no santuário todos os sábados às 8:00 da manhã é simples.

“Queremos encontrar um lugar para sentar”, dizem eles. “E todos sabem que, se você quer participar do culto internamente, precisa chegar cedo.”

A congregação, em constante crescimento, terminou recentemente um projeto de reforma. No dia 2 de maio de 2024, Ted N. C. Wilson, presidente da Associação Geral (AG), Ramón Canals, secretário ministerial da AG, e Aurora Canals, diretora da Associação Feminina da Área Ministerial e Famílias Pastorais, entre outros líderes da igreja, participaram da dedicação do santuário reformado.

Wilson, que é um dos milhares de oradores atualmente liderando esforços evangelísticos em toda a PNG, está pregando e hospedado a uma hora de distância de Mount Hagen em Minj, Jiwaka. Durante sua breve visita no dia 2 de maio, ele compartilhou uma refeição com dezenas de oradores locais e internacionais que estão liderando reuniões evangelísticas na terceira cidade mais populosa da PNG.

Um grande cartaz deu as boas-vindas ao presidente da Associação Geral, Ted N. C. Wilson, em Park Hagen, Mount Hagen, Terras Altas Ocidentais, Papua-Nova Guiné, em 2 de maio.
Um grande cartaz deu as boas-vindas ao presidente da Associação Geral, Ted N. C. Wilson, em Park Hagen, Mount Hagen, Terras Altas Ocidentais, Papua-Nova Guiné, em 2 de maio.

Além da reinauguração do santuário da igreja, líderes locais guiados por Wilson inauguraram o adjacente Hagen Park Care Inn, uma iniciativa do Ministério Adventista das Possibilidades. Assim que os últimos detalhes estiverem completos, o centro abrirá suas portas para oferecer serviços a pessoas que sofrem de várias deficiências, explicou o pastor local da igreja, Richard Jacob.

“No segundo andar, estamos abrindo um abrigo para mulheres e crianças que são vítimas de violência doméstica,” disse Jacob. “Essas mulheres e seus filhos pequenos poderão permanecer no abrigo até encontrarem uma saída.”

Essa iniciativa, voltada para a evangelização, pode ser uma das razões pelas quais a igreja de Park Hagen continua crescendo. Também pode explicar a fidelidade de seus membros. No dia 4 de maio, dois dias após a dedicação, a Escola Sabatina começa dentro do santuário com a igreja de pé. Dezenas de pessoas sentam-se do lado de fora, ao sol ou sob as árvores próximas, enquanto tentam acompanhar a cerimônia.

Visitantes pela primeira vez na Igreja Adventista do Sétimo Dia de Hagen Park levantam as mãos durante o programa da Escola Sabatina em 4 de maio.
Visitantes pela primeira vez na Igreja Adventista do Sétimo Dia de Hagen Park levantam as mãos durante o programa da Escola Sabatina em 4 de maio.

Lá dentro, o líder da Escola Sabatina pergunta à multidão quantos são visitantes pela primeira vez. Mais de uma dúzia de pessoas levantam as mãos. E o culto está apenas começando.

“Após um programa inicial, os membros dedicam-se ao estudo da lição da Escola Sabatina da semana,” disse Jacqueline Wari, diretora de comunicação da União de PNG. “E isso é apenas o começo. Em seguida, vem o louvor e a adoração, e um culto divino. Depois, muitos ficam para comer seus almoços sob as árvores. E às 16h00, aqueles que ficam participam de outro programa que termina com um culto de encerramento do sábado. Ir à igreja é uma empreitada de dia inteiro aqui.”

O artigo original foi publicado no site da Adventist Review.