Enfermeira do AdventHealth Transforma a Vida de uma Adolescente com Doação de Rim

[Foto: AdventHealth]

AdventHealth

Enfermeira do AdventHealth Transforma a Vida de uma Adolescente com Doação de Rim

As estatísticas indicam que há mais de 100.000 pacientes atualmente à espera de um transplante.

Cuidar dos outros sempre foi algo natural para Carly Decker, uma enfermeira do centro cirúrgico do AdventHealth Avista, em Colorado, Estados Unidos. Uma amiga da família de Decker, Asia, de 15 anos, sofre de uma doença autoimune que cria anticorpos que atacam seus rins e têm o potencial de atacar outros órgãos também. Asia passou por muitas cirurgias, incluindo um transplante de rim que, infelizmente, seu corpo rejeitou anos atrás.

Com a esperança de doar seu rim para Asia, Decker começou a realizar testes para ver se poderia ser compatível com ela. Embora os resultados iniciais parecessem promissores, testes adicionais mostraram que o corpo de Asia provavelmente rejeitaria a doação de Decker.

Embora ela não pudesse doar seu rim para Asia, ela doou seu rim para outra pessoa necessitada em nome de Asia, colocando Asia no topo da lista de receptores quando seu par perfeito se tornou disponível. Devido à doença autoimune de Asia, encontrar um par seria muito difícil. "Um rim de um doador vivo seria transformador para ela", disse Decker.

Decker recuperou-se rapidamente da cirurgia e sentiu-se completamente normal novamente.

Asia-630x1024

"Fiquei agradavelmente surpresa ao descobrir quão segura e simples foi a doação," disse Decker. “Doadores e receptores são tão minuciosamente avaliados que, se houver qualquer sinal de alerta, eles não prosseguem com a combinação, mantendo a segurança de ambos como prioridade.”

Embora o desejo original de que seu rim fosse para Asia não tenha se concretizado, Decker está satisfeita por seu rim ter sido um par perfeito para alguém na Pensilvânia. Junto com o rim que receberam, também lhes foi fornecido o contato de Decker, caso quisessem se conectar com ela no futuro.

“Como mãe de três meninos pequenos, pensei: e se um deles estivesse na situação da Asia em 10 anos? Se meus filhos precisassem de algo e outra pessoa pudesse ajudar, eu faria de tudo por esse presente,” disse Decker.

Sua mensagem para os outros a partir desta experiência é simples: “Mães e enfermeiras comuns podem fazer uma grande diferença – você pode mudar a vida das pessoas. Se você tem interesse em doação de órgãos, eu quero encorajar você a aprender mais sobre como pode ajudar. Todos podem desempenhar um papel, seja doando um rim ou apenas divulgando a causa. Você pode se surpreender com quantas pessoas em sua vida foram afetadas pela doação de órgãos.”

No início de janeiro, Asia descobriu que havia sido compatibilizada com um doador e recebeu seu novo rim uma semana depois. Graças a esse presente incrível, Asia e sua família estão otimistas de que ela desfrutará de seus anos de adolescência e viverá o resto de sua vida ao máximo.

O AdventHealth celebra o Mês Nacional da Doação de Vida cada mês de abril para conscientizar e educar a respeito da doação de órgãos. É também um momento para celebrar aqueles que doaram de forma altruísta para mudar ou salvar as vidas de outras pessoas. As estatísticas dizem que há mais de 100.000 pacientes atualmente esperando por um transplante. Além disso, um doador pode impactar até 85 vidas; 75 vidas através da doação de tecidos, oito vidas através de órgãos sólidos e duas vidas através da doação de córneas.

O artigo original foi publicado no site de notícias da União da América Central, Outlook Magazine.