[Foto: Divisão Transeuropeia]

Trans-Europe

Associação para a Liberdade Religiosa Celebra Seu 30º Aniversário na Croácia

O doutor Dragutin Matak, pastor adventista aposentado, recebeu um prestigioso prêmio.

Croatia | Josip Takač, with tedNEWS

Celebrando 30 anos de dedicação inabalável, a Associação para a Liberdade Religiosa na Croácia comemorou o Dia Mundial da Liberdade Religiosa em 28 de janeiro de 2024 na Sala de Concertos Vatroslav Lisinski, em Zagreb. Com o tema “1994-2024: Trinta Anos de Atividade Constante”, o evento reuniu representantes de comunidades religiosas e membros do governo croata.

A cerimônia começou com uma emocionante interpretação do hino nacional croata pelo renomado grupo adventista masculino Agape. Eles ainda apresentaram dois hinos antes de Slobodan Lalić, líder da associação, proferir sua mensagem e refletir sobre a fundação da organização em 14 de fevereiro de 1994. Embora o Dia de São Valentim não fosse reconhecido naquela época, era uma data apropriada, considerando a natureza da associação.

Dentre os momentos mais notáveis da cerimônia, destaca-se a entrega dos prêmios Dr. Branko Lovrec por Željko Mraz, presidente da associação, em reconhecimento a indivíduos por sua importante contribuição à liberdade religiosa. Entre os premiados estavam o jornalista religioso Inoslav Bešker, homenageado postumamente por seu compromisso com o pluralismo religioso e a tolerância, e o doutor Goran Granić, por sua defesa dos direitos e liberdades civis.

O Dr. Dragutin Matak, teólogo e pastor adventista aposentado, também foi reconhecido. O Dr. Matak, que foi o primeiro presidente da União Adriática dos Adventistas do Sétimo Dia entre 1998 e 2003, foi homenageado por seu trabalho incansável dentro da associação, onde atuou como secretário. Conhecido por sua dedicação à promoção da liberdade religiosa, direitos humanos e diálogo eficaz, o Dr. Matak já havia recebido anteriormente o Prêmio do Comitê Croata de Helsinque para os Direitos Humanos em 2016. Este prêmio anterior foi concedido por seus esforços nacionais e internacionais na promoção dos direitos humanos e da liberdade religiosa.

O evento também contou com palestras que provocaram reflexão, em particular a do Dr. Matak, que abordou as complexidades da coerção em nome da religião. Representantes de nove comunidades religiosas transmitiram seus cumprimentos, enfatizando a unidade na diversidade e o respeito mútuo. Entre os oradores notáveis estavam o monsenhor Dražen Kutleša, representando o arcebispo de Zagreb; o pastor Mladen Dominić, representando o Conselho de Igrejas de Cristo; e Aziz ef. Hasanović, presidente da Comunidade Islâmica Meshihat da Croácia.

Mensagens de apoio de convidados que não puderam comparecer foram recebidas, incluindo Šime Jerčić, secretário do Escritório Croata do Comitê para Relações com Comunidades Religiosas (OCRCR), e Monseñor Antun Škvorčević, bispo de Požega, reafirmando a importância da liberdade religiosa na Croácia.

O evento foi concluído com discursos inspiradores dos convidados, que refletiram sobre as garantias constitucionais e os marcos internacionais que fortalecem a liberdade religiosa, o papel fundamental da liberdade religiosa na sociedade croata e o compromisso da associação em defender este direito humano fundamental.

Josip Takač é secretário da Associação para a Liberdade Religiosa na Croácia. A associação faz parte da Associação Internacional para a Liberdade Religiosa (IRLA). A IRLA é uma organização não governamental com status consultivo na ONU, UNESCO e Conselho da Europa, que celebrará 131 anos de existência em 2024.

A versão original deste artigo foi publicada pelo site da Divisão Transeuropeia.

arrow-bracket-rightComentárioscontact